A anvisa acaba de liberar muitos procedimentos – literalmente a população corre riscos







Exames potencialmente arriscados continuam sendo realizados ainda que os benefícios sejam poucos ou nulos. São poucos os médicos que questionam se determinado exame é justificado. Hoje, um entre cada seis leitos hospitalares é ocupado por alguém que adoeceu devido ao tratamento recebido. Se um paciente tem dois conjuntos de sintomas, é provável que o segundo conjunto tenha sido causado ao tratar o primeiro.

 Porcedimentos tem nomes estranhos: eis alguns

TERAPIA ANTINEOPLÁSICA ORAL PARA TRATAMENTO DO CÂNCER (COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO)
Traduzindo: utilização ambulatorial/domiciliar de medicações orais prescritas pelo médico assistente para tratamento do câncer, elencadas em lista específica

RADIOABLAÇÃO / TERMOABLAÇÃO DE TUMORES HEPÁTICOS NO CÂNCER PRIMÁRIO DE FÍGADO
Traduzindo: tratamento do câncer de fígado, com retirada do tumor, através de radioterapia ou de calor produzido por instrumento de alta frequência (ou outra fonte de calor)

TRATAMENTO DE TUMORES NEUROENDÓCRINOS
Traduzindo: tratamento de um tipo de tumor com uso de medicina nuclear

RADIOTERAPIA COM MODULAÇÃO DA INTENSIDADE DO FEIXE (IMRT) PARA TUMORES DA REGIÃO DA CABEÇA E PESCOÇO (COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO)

Traduzindo: modalidade de tratamento altamente preciso que permite administrar altas doses de radiação aos volumes-alvos, quer seja tumores grosseiros principais, visíveis em exames de imagem, que seja em regiões de alta probabilidade de dispersão celular, minimizando as doses nos tecidos normais adjacentes de forma efica

o restante da tabela a maior parte é de cirurgia por vídeo. A maioria dos médicos não acertam nas cirurgias presenciais, imagina nas virtuais. Muitos cursos em faculdades que visam lucros eles saem sem, sequer saber entubar um paciente. 

Deus tenha piedade das cobaias

veja a tabela completa no link abaixo
http://www.ans.gov.br/images/stories/noticias/pdf/20131021_ro2014_tabela%20procedimentos%20rol.pdf

 Mais de 70% dos erros nos hospitais brasileiros poderiam ser evitados
Até 73% dos erros que acontecem dentro de hospitais brasileiros, como medicações trocadas ou operação de membros errados, poderiam ser evitados.
É o que apontam estudos da Fiocruz apresentados no QualiHosp (congresso de qualidade em serviços de saúde).
È  alto o índice de problemas evitáveis, pois em 2008, dos 11,1 milhões de internados no SUS, 563 mil foram vítimas de erros evitáveis.
Para Walter Mendes, pesquisador da Fiocruz e consultor do comitê do programa de segurança do paciente, embora haja limitações metodológicas ao extrapolar os resultados para o resto do país, os estudos indicam a magnitude do problema.
Segundo Mendes, a política de segurança do paciente não pode ser vista em separado do “imenso caos” que vive a maioria dos hospitais.
A morte da menina Stephanie Teixeira, 12, que no ano passado recebeu vaselina em vez de soro nas veias, é um exemplo de erro evitável. Os frascos eram idênticos, e os nomes dos produtos estavam em etiqueta de mesma cor.
Para Angela Maria da Paz, gerente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), esses casos acontecem porque as instituições não seguem protocolos. “Existem ferramentas capazes de prevenir esse tipo de erro.”

Para Helena Conserva vitima de erros médicos, ESSES CASOS ACONTECEM PORQUE OS HOSPITAIS E CLÍNICAS CONTRATAM PESSOAS QUE, SE ESPECIALIZAM EM DOENÇAS EM QUESTÃO DE DOIS MESES. CONHEÇO O CASO DE UM RAPAZ QUE ERA AJUDANTE DE PEDREIRO E DECIDIU MUDAR DE PROFISSÃO. FEZ UM CURSO RELAMPAGO E DOIS MESES DEPOIS ESTAVA NO HOSPITAL PARA APLICAR ENJEÇÃO. PESSOAS COM ESSES NÍVEL, “NÍVEL RELAMPAGO” É BEM BARATO, CUSTA POUCO.
DR COLEMAN SUGERE QUE OS MÉDICOS USEM UM SELO NA TEXTA COM O SEGUINTE AVISO: EU FAÇO MAL PARA A SUA SAÚDE. ASSINADO, O MÉDICO
Obs: Marca texto verde são grifos da autora desse blog


5 comentários:

  1. PERGUNTAS SOBRE A GARRAFADA DE AVELOZ


    1- A GARRAFADA SE VENCE?
    não se vence
    2- QUAIS DOENÇAS ELA CURA?
    só conheci câncer de próstata
    3- QUANTAS GARRAFADAS PRECISA TOMAR?
    são 12 garrafadas, 1 por semana
    4- DEPOIS DE CURADA, NÃO PRECISA MAIS TOMAR?
    não
    5- A GARRAFADA PODE FICAR NA GELADEIRA?
    pode, sempre conservei na geladeira
    6- COMO PREPARAR A GARRAFADA E QUAL A QUANTIDADE?
    12 gotas do leite do aveloz para 1 litro de água mineral, tomar 1 copinho cheio (pequeno de cachaça) 1 dose.
    7- CRIANÇAS PODEM TOMAR ESSA GARRAFADA?
    não
    8- QUEM JÁ SE OPEROU E FEZ QUIMIOTERAPIA PODE TOMAR?
    pode sim
    9- TODA DOENÇA TOMA A MESMA QUANTIDADE?
    isso eu não sei responder, só sei do câncer de próstata
    10- QUANDO SEI QUE DEVO PARAR DE TOMAR?
    quando você tomar 12 garrafadas durante 3 meses, 4 garrafadas por mês, 1 por semana, não pode tomar em jejum, tomar depois do café, almoço e jantar.
    11- E SE PARAR PODE VOLTAR?
    não volta, porque murcha e seca total
    12- SE TOMAR DEMAIS PODE TER OUTROS PROBLEMAS?
    . não, se não fizer bem, não faz mal, mas o ideal é tomar a quantidade certa
    13- QUANTAS PESSOAS VOCÊ CONHECE QUE JÁ FORAM CURADAS?
    4 pessoas próximas, uma é meu pai, mas todas com câncer de próstata e em fase terminal e hoje estão super bem. mas ouço relatos de pessoas distantes falando de outros tipos que foram curados.
    14- PODE TER ALGUNS EFEITOS COLATERAIS?
    de jeito nenhum
    15- CONHECE ALGUÉM COM C.A. DE PULMÃO QUE FOI CURADO?
    não

    obs: quando preparar a garrafada, ela só deve ser tomada depois de 3 dias, pois precisa repousar, essa garrafada foi ensinada por um índio do Pará.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, li que o aveloz ajuda em diversos tipos de câncer. Mas gostaria de saber se dos casos que você citou acima, se alguma destas pessoas curadas de câncer terminal de próstata também tinha metástase óssea? Agradeço a atenção.

      Excluir
  2. Helena,
    Gostaria de contribuir com suas informações sobre o câncer, pois temos novidades relativas a novas abordagens em saúde que podem curar o câncer. Meu e-mail é: mjesantos@gmail.com

    ResponderExcluir
  3. Olá, Maria José! Fiquei interessada no teu comentário, você possui algum blog onde publica sobre essas abordagens?

    ResponderExcluir
  4. Helena, encontrei o aveloz e fiz como você ensinou. Minha dúvida é a quantidade a ser tomada, posso considerar meio copo americano por dia? nas respostas acima diz após o café, mas vi em outro local do blog em jejum, como é? você já soube de cura nos ossos? metastase de um câncer de próstata que dizem curado? rosi_magalhaes@yahoo.com.br

    ResponderExcluir

Deixe o seu endereço eletrônico pra que eu possa enviar resposta, porém as que não forem encaminhadas é porque os endereços escrito as pressas oou sem cuidado, estao errados