Não vale a pena

Durante os últimos anos pensei em publicar um livro pela internet contando a minha história pessoal com um Demônio de jaleco, o cirurgião plástico do Hospital São Rafael em Salvador. É uma história muito triste. Mas, sou impotente para tanto, só restando perdoá-lo, graças a Deus. Também, descobri que não vale a pena. Mantive um blog com o título: "QUANDO O MÉDICO VIRA MONSTRO", na expectativa de escrever os textos do livro. Hoje resolvi transformá-lo em um blog de literatura.
Escrevi nele apenas os pensamentos abaixo:


"Em 2006 tive câncer. Iniciava-se uma longa luta de muitas dores morais e emocionais contra o verdadeiro câncer - o sistema de saúde privado com sua metástase - os médicos".H.Conserva

“Só conhecemos o lado escuro da vida e do mundo quando adoecemos e precisamos dos médicos, das clínicas e dos planos de saúde. Quando passamos pro outro lado”. H. Conserva
 
“Adoecer é conhecer um outro lado da vida, o mais escuro e miserável possível revelado pelo descaso e comércio que envolve a indústria farmacêutica, os planos de saúde e a classe médica. Um negócio lucrativo que revela o maior descaso da atividade do homem sobre a terra contra os Direitos Humanos. No epicentro de tudo esta o doente com a sua ingênua credulidade que vai sair dessa”. H. Conserva

  “Os formandos em medicina fazem o juramento de Hipócrates, o pai da medicina e depois viram hipócritas pra não dizer que esqueceram do principio”. H. Conserva

“O primeiro momento do diagnóstico de câncer é difícil, mas ao conhecer o ante sistema da indústria do câncer veremos que ele não é o protagonista.”. H. Conserva

“Não podemos dizer que lutamos contra o câncer, lutamos contra o que nos transformamos: nos transformamos em meio de vida para os médicos, as clínicas, os planos de saúde e a indústria de fármaco”. H. Conserva













2 comentários:

  1. Boa tarde Helena, tudo bem com você?

    Como está indo seu tratamento com Avelos?

    Não sei se você lembra que te liguei no celular faz uns 3 meses, sou do interior de São Paulo. Ainda não tentei o Avelos porque estava investigando um caroço na perna como tinha contado aquele dia e o médico diagnosticou como venoso. Porém, recentemente ao procurar uma segunda opinião a médica descobriu um caroço muito maior no meu pescoço e agora vou fazer outros exames. Ainda não fiz nenhum outro tipo de tratamento fora o de ervas e vou seguir firme seu exemplo. Irei contra familia, medicos e todos.

    Vou continuar procurando a planta por aqui e caso não ache, vou pedir da Bahia.

    ResponderExcluir
  2. Olá anonima. Não entendi: vc vai largar de mão o tratamento médico? Não devia. Faça os dois. Quando vc ganhar uma melhora substancial, aí sim, decide com mais firmesa o que e como continuar. Bjos. Mantenha-me informada.

    ResponderExcluir

Deixe o seu endereço eletrônico pra que eu possa enviar resposta, porém as que não forem encaminhadas é porque os endereços escrito as pressas oou sem cuidado, estao errados