Lançamento livro Helena Conserva dia 17 nov. CUCA ás 19:30ho



Este é um símbolo maravilhoso para a evolução da alma!
A lagarta morre, vira crisálida, a crisálida arrebenta pelas costas e finalmente, sai a borboleta, com suas asas todas úmidas e embrulhadinhas! Depois que as asas secam ao sol, a borboleta está pronta para voar! Essa maravilhosa transformação ocorre dentro do mistério da crisálida, onde tudo está fechado, sem nenhuma porta, sem janelas, um local silencioso que mais parece um laboratório, coberto por uma camada que parece matéria plástica chamada quitina. A quitina é uma espécie de celofane que a natureza criou. Quando olhamos para a crisálida, parece que ali não está ocorrendo nada... Silenciosa por fora e numa atividade tremenda por dentro! Dia e noite por semanas inteiras... Este é um símbolo maravilhoso para a evolução da alma!
...ao chegar, sentirei a saudade da tua presença mas sei que libertou-se da quitina e virou crisálida. Foram poucas as vezes que ao chegar não te encontrei em casa de meus pais aguardando a minha chegada.
Saudade e alegria por ter chegado ao Mundo Maior antes de mim, pra me aguardar e daí por milênios caminharmos juntas.
Essa borboleta é em tua homenagem, representa a tua liberdade e a liberdade de todas as mulheres que morreram de câncer. O vôo dela é a paz que buscamos após a investida na carne.
Anjo de Deus o Pai te guarde meu amor. Te amo PAZ!
Para Terezinha Regina Parente de Sá Garcia
(em memória)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu endereço eletrônico pra que eu possa enviar resposta.