"A hora da morte dos pobres chega mais rapidinho..." de vida ou morte. Será arte... será arte...”


Comunidade do orkut: BATALHA CONTRA CANCER


DEPOIMENTO NA COMUNIDADE:


"A hora da morte dos pobres chega mais rapidinho, falta de conforto, trabalho insalubre, envenenamento no trabalho, falta de médicos, falta de materiais hospitalares, falta de um tratamento adequado..........etc e tal.........
Pobre não pode nem pensar, senão enlouquece. Realmente a ganância dos que estão na dianteira do País é desordenada e a gente se revolta, agora pra terminar, o José Alencar e a Dilma deveriam dar o exemplo de povo brasileiro e se tratarem no SUS também, afinal eles são os da dianteira do País. "

EU CONCORDO, DIZ HELENA:
MINHA AMIGA Muito bem. Concordo. A luta é digna quando nossa dor é respeitada. É um sofrimento menos doloroso. Pelo menos sofremos apenas a dor do câncer, pior é a dor do descaso e a do câncer juntas no mesmo leito. Meu ponto de vista é esse mesmo. Eu intuo mais do que entendo e penso mais do que farejo. Pensar exige leitura, visão amplificada e Marx no encalço. Os políticos sim, são dignos de tratamento de ponta e com o dinheiro que roubam de nós. Eu não me conformo, por exemplo, com a crise na política, com o que li no Jornal do Senado que é distribuído gratuitamente pra quem quiser. No exemplar do dia 24 a 30 de agosto de 2009 tinha a seguinte reportagem, vou escrever ipsis literis: 

“Dez mil crianças e adolescentes acima de 4 anos morrem de câncer anualmente no Brasil, número que poderia ser bem menor se o governo ampliasse os recursos destinados à compra de medicamentos e a Agencia Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberasse o uso de novas drogas”. (...)

Agora, como diz aqui na Bahia, “neguinho num lê e fica cascando pedras”. Eu digo que os cães ladram enquanto a carruagem passa. (Dito popular)



..”

2 comentários:

  1. Helena, mesmo eu tendo uma alma ''poética'', jamais me desfiz de entender a realidade da vida e suas dificuldades...
    Falaste bem!
    Foste realista.
    A arte de viver estes conflitos está ligada diretamente no que a nossa alma almeja em buscar como refrigério diário: conformismo?
    Espírito de luta? Negação de sua própria fragilidade? Cada ser é pertinente à sua crença e a sua aceitação da realidade que o cerca...
    Mas temos também boas notícias sobre tudo:
    Podemos mudar!
    É... Sabemos o caminho e também temos a direção.
    Vejo que a sua direção é perfeita dentro de seu perfil e cada dia mais sinto que as melhorias dos povos e culturas se dá com esta perseverança que te propõe em estabelecer, desnudando assim sua complexa maneira de vivenciar estas dificuldades...
    Obrigada por fazer parte desta ''mudança'' na cultura diversificada pelo tempo e pelas escolhas...
    carinhosamente
    Leila.

    ResponderExcluir
  2. Respirando o fôlego de Deus, é isso amiga, é isso

    ResponderExcluir

Deixe o seu endereço eletrônico pra que eu possa enviar resposta.